Moreirense e Paços de Ferreira empatam a uma bola (1-1)

A estreia de Pepa e Carlos Pinto na Primeira Liga não sorriu nem a um nem a outro.

O Moreirense esteve mais perigoso, ofensivo e dominador. O Paços teve dificuldades em criar ocasiões de golo e, caso não fosse o guardião Defendi a manter a baliza intacta, o Moreirense poderia ter ficado com os três pontos.

Apesar da melhor entrada dos locais, quem marcou primeiros foram os castores. A seis minutos do final da primeira parte, Andrezinho, num dos raros ataques do Paços, encontrou espaço no corredor esquerdo dos cónegos e assistiu Whelton, que inaugurou o marcador.

No segundo tempo, o Moreirense, novamente mais assertivo e com mais oportunidades, conseguiu chegar à igualdade aos 70 minutos por Fati, que numa recarga fez o golo tão procurado pela equipa de Pepa.

O Paços conseguiu reagir e teve uma enorme oportunidade para se recolocar na frente, mas Makaridze negou o golo a Whelton.

Pouco depois, Roberto também falhou o golo da vitória à boca da baliza e o Moreirense perdeu a oportunidade de conquistar os três pontos.

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Don't have account. Register

Lost Password

Register