ABC quer terminar participação na Champions em beleza frente a forte adversário francês

O jogo deste sábado (15h30, Parque de Exposições de Braga) entre ABC/UMinho e HBC Nantes, marca o fim da caminhada do ABC nesta edição da Liga dos Campeões. Frente ao primeiro classificado do grupo, o treinador, Carlos Resende, prevê um jogo que pode ter aspetos positivos, apesar de, em termos classificativos, pouco poder mudar.

“Não é um jogo confortável, porque desportivamente pouco se joga, visto que uma equipa já está apurada e a outra já não tem hipóteses. Porém, vai ser mais uma boa experiência, porque vamos defrontar um adversário com jogadores de enorme valia”.

Fazendo o balanço do que foi este regresso do ABC à maior prova de clubes na Europa, o técnico revela alguma desilusão e aponta as razões: “Era um grupo complicado, mas tínhamos hipóteses e o objetivo de passar à próxima fase. Destaco os resultados muito positivos do Zaporozhye, enquanto nós vivemos um contexto desfavorável, pelas lesões, que fizeram a diferença negativamente. Tivemos uma prestação abaixo do que queríamos e acredito que, com a equipa na máxima força, teríamos conseguido melhor”.

Já o pivot José Costa, que no ano passado jogou no campeonato francês, admite que pode dar alguns conselhos, mas que o principal trabalho já foi feito. “A formação do Nantes já foi bem estudada. Um dos guarda-redes jogou comigo no ano passado, por aí posso dar algumas dicas. O Nantes tem investido muito forte, chegou à final da Taça EHF no ano passado. Mesmo assim, é um jogo que queremos vencer e, no meu caso, é ainda maior a vontade, porque é o meu primeiro jogo na Liga dos Campeões pelo meu clube do coração”, recorda.

Homenagem aos vice-campeões europeus no intervalo

Lembre-se que, entre as duas partes do encontro de amanhã, haverá uma homenagem à equipa do ABC que foi finalista vencida da Liga dos Campeões 1993/1994.

Guilherme Freitas, membro da administração do ABC de Braga e um dos impulsionadores desta iniciativa, lembrou que “há muito que se pretendia fazer esta homenagem, mas achou-se que esta era a altura mais propícia, por se tratar do último jogo nesta competição”. “Vamos ter uma festa bonita!”, garantiu, acrescentando que também o presidente honorário da Federação de Andebol de Portugal, Dr. Luís Santos, vai ser homenageado, “pela inestimável ajuda que sempre prestou ao nosso clube, em particular nessa época 1993/1994”.

Lamentando, mas compreendendo, que não possam comparecer todos os elementos daquela equipa, desde jogadores a treinadores, passando pelos dirigentes, Guilherme Freitas deixou palavras de consideração: “Embora tenham perdido aquela final, o ABC considera-os campeões. Mesmo os elementos daquela equipa que não vão poder estar presentes, agradeceram-nos pelo convite”.

Deixe um comentário

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Don't have account. Register

Lost Password

Register